Notícia

Programa de Ações Marie Skłodowska-Curie: 328 milhões de euros para apoiar 1 630 investigadores, entre os quais 19 portugueses

A Comissão anunciou hoje os resultados do convite à apresentação de candidaturas de 2020 para bolsas individuais Marie Skłodowska-Curie (MSCA).Estas subvenções são financiadas pelo programa da UE Horizonte 2020 para a investigação e a inovação e são atribuídas a investigadores excelentes e experientes com projetos em todos os domínios da investigação, ao mesmo tempo que recebem formação e mentoria para melhorar as suas competências e impulsionar a sua carreira. Um montante total de 328 milhões de euros financiará 1 630 excelentes investigadores de pós-doutoramento que trabalham em universidades e organismos de investigação na Europa e em todo o mundo, bem como na indústria e nas PME. Os bolseiros trabalharão em projetos dedicados a desafios globais, como as alterações climáticas, a saúde e a migração, bem como em domínios relevantes para as Missões da UE, como o cancro, as cidades inteligentes, os solos e oceanos saudáveis. Mariya Gabriel, comissária da Inovação, Investigação, Cultura, Educação e Juventude, afirmou: «Felicito vivamente os 1 630 investigadores excecionais que, apesar da dura competição, conseguiram obter a prestigiosa bolsa Marie Skłodowska-Curie». Este foi o último convite para bolsas individuais MSCA no âmbito do programa Horizonte 2020. No âmbito do programa Horizonte Europa, as MSCA continuarão a ser uma parte essencial do Espaço Europeu da Investigação, apoiando excelentes investigadores de pós-doutoramento para reforçar o seu potencial criativo e inovador, adquirindo novas competências através de formação avançada e de investigação internacional, interdisciplinar e intersetorial. Mais informações sobre as bolsas individuais neste sítio Web.

Partilhar:
Voltar